EU QUERO! EU VOU APRENDER MATEMÁTICA!!!


Ai que droga!

Isso aqui é um desabafo pessoal. Mas, eu preciso muito fazer isso. 
Caramba… tô cansada! Não aguento mais ver a porcaria da matéria considerada por muitos uma facilidade só me barrar em tanta coisa que eu quero fazer! Como é que pode? 
Sem falsa modéstia, me dou muito bem com as letras, consigo escrever dissertações maravilhosas, adoro ortografia [mesmo com a mudança e a extinção do meu amado trema], gramática é comigo mesma, Literatura merece “L” maiúsculo, tamanho é o amor que tenho por ela, História Geral é fácil, História Antiga, Contemporânea, do Brasil são coisas fáceis pra mim, Geografia dá pra me virar, Tecnologia não me bota medo e Atualidades… nossa! Que fácil. [Afinal, faço jornalismo pra isso né? Pra saber das “Atualidades”, no mínimo… uahauhahu
Agora… começou a falar de números… MEU DEUS! É pânico na certa!
Não consigo identificar o começo disso. Eu já amei MATEMÁTICA!!! É sério, juro! Na época [primário] cheguei até a escrever uma MÚSICA para a matéria que me fascinava [uma coisa que eu achava que era uma música na época, mas que até hoje martela o refrão na minha cabeça...]. Enfim, foi em meados da 6ª série que acho que comecei a detestar a matéria com todas as minhas forças. Parte dessa culpa se deve ao meu querido professor de matemática, Sr. Domingos! Poxa!! Como é que ele conseguia escrever NÃO com ACENTO CIRCUNFLEXO!!! [sim, o chapeuzinho ^]. Acho que o meu ódio a uma pessoa que conseguisse usar tão mal o português, começou a fazer com que o meu ódio se transferisse para a matéria que ele lecionava. Ah, e que lições! Meu Deus, ainda bem que eu não era a única: A SALA INTEIRA NÃO ENTENDIA LHUFAS DO QUE ELE FALAVA!! Foi assim na sexta, sétima e oitava séries. Um trauma grande demais para uma adolescente. 
E justo eu, que tinha mil e um motivos pra gostar e me dar bem na bendita matemática. Poxa, não é todo aluno que tem a sorte de ter uma professora de matemática de plantão, 24 horas por dia, sete dias por semana, do seu lado, sempre que se precisar. Sim, eu tenho. Minha mãe é professora de matemática. “E porque é que você não pediu ajuda pra ela, sua retardada?”, você, caro leitor, deve estar se perguntando neste instante. Pois é, essa é uma pergunta para a qual eu ainda não tenho resposta correta. Sei que fui deixando o tempo passar e as dificuldades irem para outras matérias também. Física, Química [minha mãe também é professora de ciências e eu sou muito retardada mesmo], até Biologia, no Ensino Médio. Algorítmos, Matemática Básica, Estatística Descritiva, Estatística Indutiva nas faculdades [sim, Sistemas e Jornalismo, tava pensando que era só ir pra Jornalismo que ia se livrar dos números é? ERROU FEIO BEIBE!!]. A situação chegou a ficar tão feia que fui salva de uma DP por pouco, muito pouco. Mas eu tenho forças para aprender, ou ao menos para decorar as coisas, quando faço um esforço grande para isso. E EU QUERO APRENDER MATEMÁTICA.
Depois de me sentir humilhada por mim mesma fazendo provas e testes on line com continhas que devem ser muito simples, mas que eu não fazia a menor idéia de por onde começar, depois de refletir a respeito e perceber que eu não vou conseguir ser o que pretendo ser apenas “decorando fórmulas” quando for obrigada a fazer isso, tomei a decisão definitiva. EU VOU APRENDER MATEMÁTICA. E VOU GOSTAR!
Para isso, algumas atitudes serão tomadas e é pra já:
- Vou resgatar os livros da época em que a minha mãe dava aulas;
- Vou PEDIR aulas à minha mãe;
- Vou baixar apostilas de matemática na internet, e ESTUDÁ-LAS;
- Vou me cadastrar em fóruns e sites da matéria, e vou estudar através deles;
[Não exatamente nesta ordem]
A primeira atitude já tomei. Acabo de entrar para o grupo de alunos que recebem aulas através do site “Só Matemática“. É um portal completo sobre a matéria que alguém me indicou, mas eu não lembro quem foi, só lembro que faz muito tempo. Basta se cadastrar GRATUITAMENTE no site e pronto. Você tem acesso ao conteúdo deles, que vai do Ensino Fundamental ao Superior, além de Fóruns, Biografias de Matemáticos, Trabalhos de Alunos e um monte de coisa que já me deixou bem animada, de primeiro impacto. Uma coisa que achei mais legal ainda, foi quando terminei de fazer o cadastro. A frase de “Boas Vindas” do espaço era essa aqui:
Aqui quem odeia matemática aprende a gostar. Imagina quem já gosta…”

Tudo bem que eu acho que deveria haver uma interrogação ao invés das reticências no final da frase, mas gostei do “aviso”. 

Espero realmente aprender a gostar e esquecer o trauma. De uma forma ou de outra, comecei hoje e vou contando aos poucos pra vocês como é que estou me saindo, ok?


About these ads

30 comentários sobre “EU QUERO! EU VOU APRENDER MATEMÁTICA!!!

  1. Jesuscristinho!!!!!!

    Eu odeio matemática com todas as forças do meu ser. E olha que eu tive professores bacanas, principalmente no médio. E, junto, as disciplinas associadas: quimíca e física. Passei cada sufoco para não repetir o ano que só de lembrar me dá urticária.
    Mas essa praga me persegue, Rakky… Eu só quero ver o sufoco que vai ser as disciplinas de estatística…
    Medo, muito medo…

  2. Vc escreveu esse texto só pra fazer propaganda do site só matemática, fala aí…

    Gostei do seu blog, os textos são bem legais

    té mais

  3. A frase não era uma pergunta, era apenas uma indicação de reflexão, então, não teria que ter a interrogação no final, não. Tá certinho.

    E pronto, corrigi seu nome. Só vou escrever Rakky, assim não erro mais…! Heheheheheh!!!

    E deixa de implicar com a coitada da matemática. Você só pegou uma matéria na faculdade, precisa ver o que a gente tava aprendendo depois… E sim, eu amo matemática, mas, tô sem paciência de aprender – e preciso de uns empurrãozinhos (é, sou autodidata mas nem tanto).

    Beijões!!!

  4. Puta que pariu, que coragem!
    Eu não odiava o Domingos, mas aquelas fórmulas eu só decorava; nunca fizeram sentido pra mim em um plano geral, então…
    Cara, nem pra Fuvest eu consegui estudar essa porra! Como na Biblio eu não vou ter que usar (\o/), já larguei de mão. Mas boa sorte!

  5. Ô Rakky! Eu também tenho trauma da matemática. MEu negócio no colégio era Biologia e Inglês. Vou acessar o site, gostei da idéia!

  6. Eu tambem ooodeio matematica, é uma coiisa complicada de mais, e meu professor
    (risos) nem se fala, ele é muiiiiito foda, e bota pra quebrar nas suas proovas , mais EU VOU APRENDER A MATEMATICA eu tenho 2 opçoes
    OU APRENDO
    OU APRENDOO
    ENTÃO preferi aprender
    kkkk

    Beijão a toodoos que oodeia a super
    MATEMATICA .

  7. eu tbm odeio matemática ainda mais com uma classe bagunceira e uma professora super mal humorada e que nao tem posse sobre a sala
    ODEIO simplismente ODEIO matemática!!!!!!!!!!!!!

  8. Cara maravilhoso teu texto , sempre fico de recuperação nessa merda que nao serve absolutamente para nada , apenas para encher o saco , nunca vou usar essa merda na minha . Essa putaria de matemática deveria acabar e pronto , pra mim quem é formado em matemática , nao é formado em bosta nenhuma !

  9. nossa matematica é muito deificil eu quando tinha uns…5 anos era apaixonada por matematica mais agora na 6ª Serie odeio principalmente com meu professor TIRANO………………….

  10. eu odeio matematica e realmente nao sei para que vou prisizar eu estou ficando louca com esta porcaria de mmc e mdc eu nao consigo aprender e o nos estamos fazendo de errando?

  11. Eu odeio matemática. Quando eu era adolescente, ficava na casa de uma professora cuidando do pai dela. não podia sair para o colégio, enquanto ela não chegava.isso, porque ela tinha que me ensinar o dever primeiro, a “MATEMÁTICA”. quando não sabia fazer o dever, ela me fincava a unha, chegava a sangrar. com isso, tomei trauma de matemática, até hoje, não consigo aprender. o que tenho que fazer para perder esse trauma?

  12. Eu não consigo entender nada de matematica,não sei por onde começar a questão.
    Eu fico muito triste com isso,pois preciso aprender,quero prestar concurso publico então eu preciso da matematica.

  13. Adorei as informações contidas aqui!Tenho grandes problemas com metematica e me identifiquei muito com o texto.
    Fiz Psicologia até 3 ano PUC-SP adivinha fui barrada pela estatistica -matematica que jurava nao ver nunca mais na minha vida.E por tentar vira o jogo quero fazer deste vilão um aliado para sucesso profissional que desejo ter.
    Acredito até que se não fosse a matematica teria feito outra area, mais ainda da tempo.
    Se puder me deixe atualizado sobre como apreender matematica e gostar da mesma.

  14. Estamos no mesmo barco, comecei a estudar matemática para tentar uma vaga na faculdade do meu estado.
    Tô tentando aprender através de aulas on lines, o professor é muito bom…acho q o problema sou eu mesmo.

  15. Se um dia elegermos 4 ou 5 das maiores criações de sempre do cérebro humano, goste-se ou não, uma delas tem de ser a matemática. Provavelmente, poucos entenderão isto, e, muitos menos, a enorme elegância e beleza desta disciplina, mas esta afirmação é em si quase uma verdade matemática.

    Sobre a matemática, dizia Pessoa, a mando do seu heterónimo Álvaro de Campos: “O binómio de Newton é tão belo como a Vénus de Milo. O que há é pouca gente para dar por isso.”

    E é a mais pura verdade, o que há é pouca gente com vontade e coragem para despender muito do seu tempo para estudar matemática. E sem algum esforço, é quase impossível entrar no nobre edifício da Matemática!

  16. Oi

    Olha realmente concordo com a parte em que vc diz sobre o professor.
    Minha professora do segundo grau era terrivel, acho que nem ela sabia matematica rsrsrs…. putz que f… foi pra mim. Eu gostava muito de matematica e me aborreci com a professora. Valeu pela dica do site, vou estudar bastante.
    Bjuuu

  17. Odeio,odeio,odeio,odeio,matematica! essa maudita materia, nao deveria existir! faço contas,de adiçao,divisao,subritaçao,raiz etc.. com a maior facilidade,mas quando chega na forma de baska,equaçoes 1gral,equacoes lineares ai o bicho pega, estou estudando a 7h e nao consigo entender nada,ja penssei em proucurar um pissicologo, pois estou ficando louco de tanto penssar e nao consigo resouver os ploblemas.sera que sou burro?

  18. Adorei a catarse, Rakky. Comigo foi assim:
    Até a 8ªsérie eu era até que mediana em matemática. O terror veio quando fui pra uma escola estadual (Villalva – SP, 1995). Parecia um campo de concentração. Quem não estivesse a fim de estudar era “convidado a se retirar” pra dar a vaga pra alguém mais interessado. Concordo. Só que foi isso que tive ouvir da prof de matemática quando a dita cuja pediu para que eu explicasse um exercício e eu fiquei com cara de paisagem. Ela, aos berros, disse mais ou menos assim: “Onde vc anda com a cabeça mocinha? Vc vem aqui pra namorar, desfilar? Se vc não quer aprender ou não se interessa, pega suas trouxas e vai pro cinema! Pede pro seu pagar escola particular! Eu sinceramente não sei o que vc vem fazer aqui!”
    O pior, é que estávamos só no começo do ano, e a bruxa, além de não me conhecer, não sabia que eu estudava SIM! Fiquei com tanto ódio da megera! Chorei o que pude e prometi que iria fazer ela engolir cada ofensa. Canalizei, descontei o meu ódio em apostilas e livros (na época ninguém tinha internet) e a cada exercício que eu resolvia, entoava um mantra: “Vaca dos infernos, consegui mais uhmmmmm” Para meu espanto fiquei fera na matéria, só tirava notas altas! E a bruxa, que vivia de cara amarrada pra Deus e todo mundo, passou a sorrir pra mim… justo pra mim… Eu nem Tchum pra véia!

  19. Odeio matemática, não sei de NADA absolutamente NADA! e preciso aprender pois já vou fazer 17 anos, e praticamente na sala sou a unica que não sabe de nada! vou começa a pesquisar, cursos e tudo mais para aprende pois já não aguento mais ser ignorante em relação á matemática!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s