… E eu mudei meu blog pra o WordPress

Depois de correr o risco de perder todas as minhas postagens no “Blog da Rakky” original, mudei pra o WordPress. Algumas razões para a mudança:

  • O Google cogitou a possibilidade de o meu blog ser um blog de spans;
  • Fiquei quase cinco dias sem acesso ao meu blog e a minhas postagens, e com a minha página desativada;
  • Apesar de eu ter registrado o blog como blog livre de spans quando recebi o aviso, fui ignorada e meu blog passou dias desativado;
  • Tenho medo do Google!

Não estou plenamente satisfeita com o WordPress. É só comparar essa página com o meu blog antigo pra ver que tem muitas funcionalidades que eu não consegui encontrar ainda (ou que o WordPress não fornece mesmo). Apesar de eu ter outros blogs no WordPress, não estou ainda acostumada a pensar nele como meu provedor de blogs. Vou me acostumar, ele é bem melhor!

Aos poucos, arrumo isso aqui com tudo o que eu tinha no meu blog antigo. Por enquanto, basta ter certeza de que todas as minhas postagens estão à salvo.

Anúncios

WordPress: que seja infinito enquanto dure

Escrevi o texto abaixo à pedido da professora Renata Aquino, como atividade nas aulas de Jornal Laboratório. Além de ter o texto por mim mesma publicado no blog da sala (www.unipmarques.wordpress.com) alguns sites também o publicaram. Abaixo o texto, e em seguida alguns links da publicação.

WordPress – Que seja infinito enquanto dure

Mais uma vez a justiça ameaça estender a punição aos culpados e aos inocentes. É que uma decisão judicial estuda a possibilidade de bloquear o acesso brasileiro ao WordPress, portal que fornece serviços de blog. A causa: um blog especificamente, publicou algo que não devia. O blog e a postagem não foram revelados.

O problema é simples: a internet é o meio de comunicação mais aberto que existe. Através dela todos podem expressar-se como bem queiram perante qualquer situação. Porém, esta “liberdade” está começando a mudar. Primeiro, o bloqueio temporário de acesso ao Youtube, site de postagem de vídeos, por conta do vídeo da Daniela Ciccarelli em imagens picantes, na praia, com seu namorado, em janeiro de 2006. Depois a ameaça constante ao Orkut e suas comunidades com temas relacionados à pedofilia. Não há explicação válida ou convincente para o caso. Sobre a situação do WordPress, Eduardo Parajó, presidente da ABRANET (Associação Brasileira dos Provedores de Internet) comenta: “Ordem judicial não se discute, se cumpre. Mas, como não é possível bloquear especificamente o endereço solicitado, o acesso a todos os sites com a extensão wordpress.com será impedido no Brasil”. Isto se dá por que temos o espaço apenas de ‘filiais’ destas grandes empresas, portanto, somente elas é que podem retirar as páginas com conteúdo indevido do ar. A situação se agrava ainda mais com a CPI da Pedofilia e a ameaça de bloquear o acesso ao Orkut no Brasil. Tudo isso porque o Google (segundo o Ministério Público) se recusa a abrir o banco de dados, e divulgar os nomes dos usuários que propagam a pornografia infantil e os crimes sexuais.

No fim das contas, o usuário é que sai prejudicado. Caso a decisão judicial realmente seja a de bloquear o acesso aos sites, milhares de blogs serão apagados. Seus usuários simplesmente perderão todos os seus textos, idéias, comentários… tudo jogado no lixo. E este blog, caros amigos, será mais um a ser apagado. Todo o trabalho de todas as nossas editorias será cruelmente jogado no lixo. Quanta gente trabalhando tanto tempo à toa.

Há quem diga que a censura acabou depois da ditadura. Cruel engano. A censura a cada dia se multiplica. Eis a sua nova face: o bloqueio a idéias via internet. E pra variar, no país do carnaval, ninguém faz nada pra mudar. Como diria Vinícius, “Que seja eterno enquanto dure”, blog UNIP MARQUÊS. E, pelo visto, não vai durar muito.

Colaborou: Gisele Santos

Links:

E-educador

Technorati

Yahoo! Busca Educação

Planeta Tics

WordPress – Que seja infinito enquanto dure

Mais uma vez a justiça ameaça estender a punição aos culpados e aos inocentes. É que uma decisão judicial estuda a possibilidade de bloquear o acesso brasileiro ao WordPress, portal que fornece serviços de blog. A causa: um blog especificamente, publicou algo que não devia. O blog e a postagem não foram revelados.
O problema é simples: a internet é o meio de comunicação mais aberto que existe. Através dela todos podem expressar-se como bem queiram perante qualquer situação. Porém, esta “liberdade” está começando a mudar. Primeiro, o bloqueio temporário de acesso ao Youtube, site de postagem de vídeos, por conta do vídeo da Daniela Ciccarelli em imagens picantes, na praia, com seu namorado, em janeiro de 2006. Depois a ameaça constante ao Orkut e suas comunidades com temas relacionados à pedofilia. Não há explicação válida ou convincente para o caso. Sobre a situação do WordPress, Eduardo Parajó, presidente da ABRANET (Associação Brasileira dos Provedores de Internet) comenta: “Ordem judicial não se discute, se cumpre. Mas, como não é possível bloquear especificamente o endereço solicitado, o acesso a todos os sites com a extensão wordpress.com será impedido no Brasil”. Isto se dá por que temos o espaço apenas de ‘filiais’ destas grandes empresas, portanto, somente elas é que podem retirar as páginas com conteúdo indevido do ar. A situação se agrava ainda mais com a CPI da Pedofilia e a ameaça de bloquear o acesso ao Orkut no Brasil. Tudo isso porque o Google (segundo o Ministério Público) se recusa a abrir o banco de dados, e divulgar os nomes dos usuários que propagam a pornografia infantil e os crimes sexuais.
No fim das contas, o usuário é que sai prejudicado. Caso a decisão judicial realmente seja a de bloquear o acesso aos sites, milhares de blogs serão apagados. Seus usuários simplesmente perderão todos os seus textos, idéias, comentários… tudo jogado no lixo. Quanta gente trabalhando tanto tempo à toa.
Há quem diga que a censura acabou depois da ditadura. Cruel engano. A censura a cada dia se multiplica. Eis a sua nova face: o bloqueio a idéias via internet. E pra variar, no país do carnaval, ninguém faz nada pra mudar. Como diria Vinícius, “Que seja eterno enquanto dure WordPress”. E, pelo visto, não vai durar muito.

Fontes:
Folha de S. Paulo – Decisão judicial ameaça bloquear acesso ao WordPress no Brasil

Folha de S. Paulo – Se Google não colaborar, CPI pode fechar Orkut, diz senador

G1 – Acesso a Blogs do WordPress no Brasil pode ser bloqueado

BlogueIsso! – Bloqueio do WordPress: O Brasil está se transformando no país do \”Não se discute\”

Colaborou:
Gisele Santos